sexta-feira, 25 de setembro de 2009

tudo era perfeito...
o clima, onde podíamos até correr que não suávamos;
a confiança, como se nunca fosse acabar;
os olhares, como os de dois cúmplices;
os beijos, como dois apaixonados;
as brincadeiras, como eternos companheiros.
tudo perfeito como num sonho...
porque foi um sonho.
um sonho do qual nunca quis acordar,
daqueles em que a gente sempre vai dormir ansioso
na espectativa de que se repita toda vez que fecharmos os olhos.

Um comentário:

Fernanda Carvalho disse...

Tenho sonhos assim... Eles são melhores q a realidade.. aff!