quinta-feira, 12 de junho de 2008

estou sempre nos trilhos, caminhando com a esperança de que alguém me arrebate quando o trem vier em minha direção.
mas não me importo se morrer for o meu destino.
e que o final seja breve, avassalador.

Um comentário:

2046 disse...
Este comentário foi removido pelo autor.